Novidades

Notícias e temas relacionados às nossas atividades


Friday, 11 May 2018
Preocupação com o meio ambiente abre portas para materiais sustentáveis, como o papel cartão

embalagem sustentavel (© Foto Divulgação: Namídia News)© Foto Divulgação: Namídia News

Plástico deve ser banido de pratos, copos, bandejas e talheres descartáveis


Fonte: Namídia News

Boa notícia!

A Comissão de Meio Ambiente (CMA) aprovou, no dia 17 de abril, o projeto (PLS 92/2018) que prevê a retirada gradual do plástico da composição de pratos, copos, bandejas e talheres descartáveis. Pelo texto, no prazo de dez anos, o plástico deverá ser substituído por materiais biodegradáveis em itens destinados ao acondicionamento de alimentos prontos para o consumo.

O material deverá ser substituído em 20% dos utensílios no prazo de dois anos após a eventual vigência da lei, e a exigência sobe para 50% após quatro anos; para 60%, após seis anos; e para 80%, após oito anos para, então, o plástico ser banido após dez anos. A análise deste projeto segue agora para a Comissão de Assuntos Econômicos (CAE).

Optar por soluções sustentáveis, seguras, resistentes e leves, como o papel cartão, é uma ótima alternativa e fortalece o posicionamento de fomentar a sustentabilidade do planeta.

Segurança, resistência e leveza são algumas das qualidades do papel cartão. Por ser mais espesso, rígido e compacto, é ideal para confeccionar caixas e embalagens de alimentos, cosméticos, medicamentos, bebidas, bem como capas de livros. Com inúmeras possibilidades de design e excelente qualidade para impressão, é também uma ótima ferramenta de comunicação. E o grande destaque fica por conta de seu material ser biodegradável e 100% reciclável.

Estas características fazem com que o papel cartão seja considerado ideal para a confecção de embalagens, segundo a Presidente Executiva da Indústria Brasileira de Árvores (Ibá), Elizabeth de Carvalhaes.

A matéria-prima básica do papel cartão é a celulose, resultante principalmente do beneficiamento da madeira de florestas plantadas e da reciclagem de aparas de papel geradas durante o processo industrial. O Brasil é pioneiro em sustentabilidade e manejo responsável, com toda a produção nacional proveniente de florestas plantadas – que ocupam 7,84 milhões de hectares, o correspondente a 0,9% do território nacional.

Segundo a European Association of Carton and Cartonboard Manufacturers, os principais motivos para escolher cartões e papel cartão para embalagens são: Design, comunicação, eficiência, segurança e sustentabilidade.

E por falar em sustentabilidade, os recursos utilizados na produção do papel cartão são renováveis. Certificações como o FSC® - Forest Stewardship Council® garantem que o manejo seja feito de forma sustentável.


© Forest Stewardship Council® · FSC® F000204